04/06/2018

Guerrero comemora volta com gols e fala em "chegar 100%" à Copa do Mundo

Atacante volta a vestir a camisa da seleção oito meses depois e marca duas vezes na vitória sobre a Arábia Saudita. "É o melhor 9 da história do futebol peruano", afirma o amigo Farfán

Por GloboEsporte.com, St. Gallen, Suíça

Paolo Guerrero voltou - mais uma vez. Agora, ao que parece, de maneira definitiva. Depois do imbróglio envolvendo doping e suspensão, o aval da Justiça Comum da Suíça permitiu ao atacante estar em campo navitória do Peru por 3 a 0 sobre a Arábia Saudita neste domingo. E com o protagonismo que é esperado do capitão e principal jogador da equipe do técnico Ricardo Gareca, marcando dois gols.

A última partida do atacante havia sido na derrota do Flamengo para a Chapecoense, no dia 13 do mês passado. Com a camisa da seleção, o hiato foi longo: oito meses. O empate em 1 a 1 entre Peru e Colômbia no dia 10 de outubro do ano passado foi o último antes do pesadelo do doping vir à tona.


Uma vez de volta, sobretudo com gols, o que Guerrero espera agora é "chegar 100%" à Copa do Mundo da Rússia, que começa em menos de duas semanas.

- Mais do que pressão, eu precisava me sentir bem, pegar ritmo. Tinha dias que eu não praticava futebol. Agora estou novamente aqui e espero chegar 100%. O professor me deu a oportunidade de jogar quase 70 minutos. E quanto mais minutos me der, melhor para mim - declarou ele em entrevista à "América Televisión".

Guerrero marcou dois gols na vitória do Peru sobre a Arábia Saudita (Foto: REUTERS/Stefan Wermuth)

Guerrero foi titular na partida realizada em Saint Gallen, na Suíça. Aos 41 minutos do primeiro tempo, fez o primeiro gol aproveitando um rebote do goleiro. E aos 19 da segunda etapa, aproveitou o cruzamento de Carrillo e finalizou firme de cabeça.

- Meus companheiros me ajudaram, estou muito feliz por voltar à seleção com dois gols. Tenho que trabalhar bem. O grupo se sente com muita confiança, precisamos seguir focados. Ninguém pode nos tirar esse foco - completou ele.

Nenhum comentário: