22/07/2018

Vice de Gladson, Rocha rebate discurso de Sebastião Viana : “tome vergonha na cara”

O governador Sebastião Viana disse na convenção do PT, no Ginásio do Sesi, na manhã deste sábado, 21, que a oposição é “despreparada”, e recebeu a imediata resposta do tucano Major Rocha, pré-candidato a vice governador do Progressista Gladson Cameli.

Por meio de um vídeo em sua página no Facebook, Rocha lembrou que Marcus Viana, candidato de Sebastião, coordenou, quando diretor-presidente do Deracre, as questionáveis obras da BR-364; e como prefeito de Rio Branco deixou a cidade esburacada.

“Quem votou no Michel Temer foi o Tião Viana. Fez campanha pra chapa Lula, depois Dilma e Temer. É bom falar que quando o governador Sebastião Viana diz que a chapa da oposição é despreparada, é bom lembrar que quando o candidato a governador Marcus Alexandre foi diretor do Deracre deixou uma BR-364 toda esburacada e consumiu de recurso público mais de R$ 2, 2 bilhões. Então acho que quem é despreparado não somos nós. E mais que isso. Nos seis anos que foi prefeito, deixou Rio Branco igual a um queijo suíço, buraco pra todo lado. E parece que, e eu tenho que reconhecer, a prefeita Socorro Neri começou a tapar a buraqueira que o Marcus Alexandre deixou. E mais que isso. O candidato a vice do PT foi o responsável pela implantação no Acre das facções criminosas. Foi na gestão dele que as facções tomaram conta das nossas ruas.”

Rocha relembrou também as promessas não cumpridas pelo atual governador, como asfaltar todas as ruas do Acre por meio do Ruas do Povo, programa que consumiu mais de um bilhão dos cofres públicos, e “botar” pedra rachão nos ramais.

“Tião Viana, tome vergonha a cara. Você prometeu botar pedra rachada em todos o ramais, e eu tô acabando de vir de um ramal e vi a buracaria. Disse que ia asfaltar todas as ruas do estado e infelizmente as ruas das nossas cidades estão tomadas por buracos, e mais de um bilhão foram gastos no programa Ruas do Povo pra ruas de péssima qualidade que não aguentaram uma chuva.”

Nenhum comentário: