11/08/2018

Casal de aventureiros que já passou por cinco países e percorreu mais de 16 mil quilômetros em kombi chega ao Acre

Vanessa e Marques passaram pela Argentina, Chile, Peru, Bolívia e Equador na kombi que apelidaram de 'Madalena'. Após o Acre, casal quer viajar pelo litoral do país.
Casal já percorreu mais de 16 mil quilômetros em kombi 1994 e pretende conhecer coisas típicas do Acre (Foto: Reprodução/Instagram)

O casal de aventureiros Vanessa Cristina Kapper, de 27 anos, e Lorenzo Rousselet Marques, de 32 anos, decidiu largar tudo na cidade de Santo Ângelo, no Rio Grande do Sul e viajar pela América do Sul em uma kombi 1994 apelidada de ‘Madalena’.

Os dois começaram a viagem em 1º de março desse ano e já percorreram mais de 16 mil quilômetros passando pela Argentina, Chile, Peru, Bolívia e Equador. A dupla chegou ao Acre na sexta-feira (10) e deixou a kombi em uma oficina para manutenção em Rio Branco.

“A gente pretende turistar aqui no Acre, pois depois que gente entrou e seguiu para Rio Branco passamos apenas por estradas. Mas, de antemão, já digo que ficamos surpresos com o tanto de pessoas legais que conhecemos e nos ajudaram. A gente dormiu em postos de gasolina também e foi bem tranquilo, tem outros lugares que não deixam fazer isso”, relata Vanessa.
Namorados já passaram pela Argentina, Chile, Peru, Bolívia e Equador (Foto: Reprodução/Instagram)

Marques é servidor público e pegou uma licença para fazer a viagem. Ele já havia guardado dinheiro para a aventura, mas a ideia inicial era fazer o trajeto como mochileiro. Vanessa era autônoma e tinha uma loja de cosméticos. A mulher conta que também tinha umas economias.

Em Rio Branco, o casal visitou o Parque Chico Mendes e Vanessa conta que experimentou sorvete de cupuaçu. Os namorados devem seguir para Rondônia (RO) até Brasília (DF), depois para Belém (PA) e seguir pelo litoral do Brasil.

“Eu nunca tinha comido isso [cupuaçu] e achei muito bom e diferente. Também nos indicaram experimentar o caldo do tacacá que não conhecemos”, lembra.
Viagem é compartilhada com mais de 18 mil seguidores no Instagram (Foto: Reprodução/Instagram)

Ponto de partida
A ideia da aventura surgiu após uma viagem de carro para a Praia de Torres (RS) em que Marques comentou sobre o sonho de conhecer a América do Sul. Vanessa começou a pesquisar sobre outras viagens e o namorado já tinha boa parte do itinerário pronto. Porém, logo nos primeiros 140 km o motor da ‘Madalena’ fundiu e eles precisaram refazer toda a peça.

“Ficamos uma semana parados esperando a kombi ficar pronta e depois seguimos viagem. Foi daí que conheceram nossa história e ganhamos vários seguidores no Instagram”, lembra.

Toda a viagem é compartilhada pelo casal no Instagram “Por Aí de Kombi” onde postam fotos dos locais que visitaram. O perfil já tem mais de 18 mil seguidores. Além disso, os aventureiros criaram uma campanha no site “Apoia.se” onde os apoiadores doam dinheiro ou oferecem a casa para que eles fiquem durante a passagem pela cidade.

“Temos cerca de 50 apoiados e todos os meses aparece alguém que quer ajudar de alguma forma. Mas, a gente também tem um orçamento diário de gastos, mas as manutenções com a ‘Madalena’ estão judiando de nós. Todas as manutenções foram maiores que o planejado. Mas já estamos vendo várias ideias para levantar dinheiro e continuar o roteiro”, afirma.
Vanessa e Lorenzo decidiram conhecer a América do Sul viajando em uma Kombi 1994 (Foto: Reprodução/Instagram)
Por Quésia Melo, G1 AC, Rio Branco

Nenhum comentário: