14/08/2018

Moradores do Jardim Santa Helena reivindicam asfalto e água para a comunidade, em Cruzeiro do Sul


Na manhã da terça-feira (14), moradores do Jardim Santa Helena se reuniram e interromperam o tráfego da estrada que dá acesso ao lixão de Cruzeiro do Sul. Outra manifestação foi realizada cerca de cinco meses atrás, mas não obtiveram resultados. A reivindicação das mais de 20 famílias que moram no local é por asfalto e abastecimento de água. 

Francisco de Pinho Pereira, cabeleireiro e morador da comunidade relata que já foram feitas, pelo menos, quatro manifestações. O abastecimento de água, além da falta de asfalto, é um problema que prejudica muito os moradores, segundo ele. “O que queremos é uma melhoria para a nossa rua a para a água, pois o motor que abastecia a caixa d’água queimou e agora o caminhão pipa abastece, mas a água não está sendo suficiente para as mais de 20 famílias que moram aqui. Então a gente tá querendo que alguém se manifeste e que não fique só na teoria, mas que coloque em prática. Eles pedem pra gente abrir a estrada, dizendo que vão fazer algo, mas depois não aparece ninguém”, relata Pereira. 

Ainda, segundo Pereira, a movimentação é para que seja feito algo enquanto há verão, pois o acesso precário à comunidade prejudica as crianças que precisam ir para a escola. “Tem muita criança que estuda e que quando chega o inverno prejudica eles”, relata.

Dona de casa, Elisângela Almeida, conta que a água é um fator de importância para a sobrevivência de todos e que eles esperam algo concreto. “Prejudica muito, sem água a gente não vive, né? Sem a comida, sem a dormida a gente vive, mas sem a água não dá pra viver. A gente não quer mais promessa. Tá com dois anos que só fazem promessas e quando chega o verão cadê o asfalto que não aparece?”, destaca.

Por Taís Nascimento – O Juruá em Tempo

Nenhum comentário: