Tarauacá-Acre


sábado, 15 de setembro de 2018

Câmara diz que PSB 'voltou atrás' sobre impeachment de Dilma

Marlon Costa/Pernambuco Press

O candidato à reeleição ao governo de Pernambuco, Paulo Câmara, afirmou, em entrevista ao G1 nesta sexta-feira (14), que o PSB "voltou atrás" na posição de ser favorável ao impeachment da ex-presidente Dilma Rousseff (PT), em 2016. 

Na entrevista no estúdio do G1, no Recife, Paulo Câmara criticou o governo deMichel Temer (MDB). "O meu partido decidiu que era importante o afastamento da presidente [Dilma]. Naquele momento, fizemos também a opção de não ocupar cargos no governo Temer, apesar de deputados do PSB posteriormente ocuparem, contra a vontade da Executiva Nacional. Mas, claramente, o que a gente analisa hoje é que o impeachment fez mal para o Brasil, foi ruim para o Brasil. O governo que veio aí, com o presidente Temer e todo o seu entorno, fez o Brasil andar para trás", disse.

Nenhum comentário: