Tarauacá-Acre


quarta-feira, 5 de setembro de 2018

TARAUACÁ: Primas de 12 e 13 anos mortas em acidente haviam saído pra comprar comida, diz família

Os pais das adolescentes Jaqueline Matos, de 12 anos, e Ana Cláudia, de 13, contaram ao G1 que as meninas haviam saído para comprar comida quando foram atropeladas por uma caçamba no Projeto Taquari, BR-364, entre Tarauacá e Cruzeiro do Sul. Os corpos foram levados para o Instituto Médico Legal (IML) em Cruzeiro do Sul.

As duas meninas estavam em uma bicicleta, quando foram surpreendidas pelo veículo. Elas morreram ainda no local. Quem conduzia a bicicleta era Jaqueline e o irmão dela chegou a presenciar todo o acidente.

O agricultor Francisco Evandro, de 37 anos, passou mal ao saber da morte da filha Jaqueline. Ele tem sete filhos e ela era a mais nova.

Ele contou ainda que a caçamba envolvida no acidente estava a serviço do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit) e o motorista fugiu sem prestar assistência.

“O que aconteceu é que minha menina estava na mão certa e a caçamba do Dnit pegou e jogou ela longe, por isso, quero justiça. Ela tinha saído para comprar o rancho [comida]. Ele [motorista] estava em alta velocidade e não tinha necessidade de fazer um negócio daquele. Sou pai de 7 filhos, um está em Rio Branco com câncer. É difícil a minha situação, ainda mais agora que perdi minha filha caçula”, desabafa.

José Domingos, pai da Ana Cláudia, contou que a comunidade fechou a BR-364 porque ficou revoltada com o acidente. “Isso abalou nossa comunidade”, disse.

O Dnit informou que as empresas que fazem esse tipo de serviço para o órgão são terceirizadas e que, normalmente, espera ser notificado para acionar a empresa. Disse também que a orientação é que evitem acidentes e tenham cautela ao trafegar no trecho.

O G1 tentou ouvir a Polícia Civil, mas não conseguiu até esta publicação.

FONTE: g1

Nenhum comentário: