quinta-feira, 16 de julho de 2020

Dom Hélder: O 'profeta da fraternidade' inspira o combate à desigualdade, no 2° vídeo da campanha do PSB

PSB <psb@comuniquese1.com.br>
Qui, 16/07/2020 18:04

Para: Você

O PSB exibiu nas suas redes sociais, nesta quinta-feira (16), o segundo vídeo temático da campanha NÃO VIOLÊNCIA ATIVA - PAZ, ESSA É A NOSSA BANDEIRA, tendo Dom Hélder Câmara, "o profeta da fraternidade", suas ideias e sua luta como inspiração.

Lançada nesta semana pelo partido, a campanha busca inspirar brasileiros a lutarem pela democracia, pela paz e pela justiça social, nesses tempos em que o país assiste a uma minoria defender uma agenda antidemocrática e a pregar o ódio, a discriminação e a intolerância.

Ícone da não violência ativa no Brasil, Dom Hélder Câmara dedicou sua vida aos mais carentes, defendeu os direitos humanos e enfrentou com coragem a ditadura militar. Foi ainda um dos fundadores da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) e pregava por uma Igreja simples voltada para os pobres e oprimidos.

"Nós temos que viver uma Igreja que reze, que ame a Deus, mas sem esquecer o próximo e não fique apenas em amor de palavra. Porque não é possível que a nossa gente fique aí cada vez mais sacrificada. Quando a gente vê pelas estatísticas oficiais quantas pessoas morrem de fome no mundo a cada ano é uma coisa tenebrosa", diz o líder em um trecho do vídeo que traz imagens dele e trechos de seus discursos.

Dom Hélder Câmara também é destacado como exemplo de trajetória que pode inspirar o país a mudar a própria história diante das crises ética, econômica, política e social vividas atualmente.

A desigualdade social, como nos demais vídeos da campanha, é apontada como um dos graves problemas do Brasil. O vídeo explica que apenas seis pessoas mais ricas do país possuem riquezas equivalente ao patrimônio de 100 milhões de brasileiros mais pobres. Os 5% mais ricos possuem a mesma fatia de renda que os demais 95%.

"Corrigir as injustiças no Brasil impõe medidas extensivas em diversas frentes: políticas, econômicas e sociais. O Partido Socialista Brasileiro acredita que é urgente a realização de ações que tenham como foco o combate às desigualdades e promoção dos princípios do humanismo, da diversidade e da sustentabilidade", finaliza o vídeo.

Campanha NÃO VIOLÊNCIA ATIVA

A não violência ativa é uma prática de resistência que mobiliza a sociedade em busca da paz, da democracia e da justiça social, sem entrar no campo da agressão, do ódio e da intolerância, explica o presidente nacional do PSB, Carlos Siqueira.

“Nos últimos tempos, temos assistido uma minoria que prega a violência, a intolerância e o ódio. Por essa razão, estamos realizando uma campanha com uma série de vídeos, inspirada nos ícones da ‘não violência ativa’ como Dom Hélder Câmara, Martin Luther King, e Nelson Mandela, para inspirar os brasileiros a lutarem pela paz, pela harmonia e pela coesão social”, explica Siqueira.

“Esses aspectos devem caracterizar a maioria da população brasileira, e devem ser realçados e incentivados para que ela use a arma da paz e da democracia em defesa da justiça social”, completa.

Serão lançados ao todo cinco vídeos, sempre às terças e quintas-feiras, às 17h. O primeiro vídeo, apresentado nesta terça-feira (14), traz Nelson Mandela, líder sul-africano do movimento contra o Apartheid, como figura inspiradora da luta pacífica em defesa dos direitos humanos, da liberdade e pela igualdade racial.

A campanha inclui ainda vídeos de outros dois grandes líderes da humanidade como Mahatma Gandhi e Martin Luther King, além das jovens ativistas Greta Thumberg e Malala Yousafzai. Os filmes estarão acessíveis no site oficial e nas redes sociais do PSB para serem baixados e compartilhados.

CONFIRA TODO O CONTEÚDO DA CAMPANHA EM:

SERVIÇO
Campanha "Não violência ativa - Paz, essa é a nossa bandeira"
Sempre às terças e quintas-feiras, às 17h
Live nas redes sociais e no site do PSB nacional
@psbnacional40 / www.psb40.org.br

Nenhum comentário: