7.29.2020

Oposição comemora racha no centrão com afastamento de DEM e MDB

Partidos que fazem oposição ao governo de extrema direita de Jair Bolsonaro consideram que a saída de partidos do centrão cria um cenário mais favorável porque marca o fim das maiorias absolutas
29 de julho de 2020, 04:43 h Atualizado em 29 de julho de 2020, 05:33

Plenário da Câmara dos Deputados (Foto: Luis Macedo/Câmara dos Deputados)

247 - Líderes de partidos de oposição na Câmara comemoraram o rompimento de MDB, DEM e possivelmente outros partidos com o centrão. O racha aponta para a formação de novos cenários mais favoráveis. 

Esses líderes veem como uma vitória de Rodrigo Maia (DEM-RJ) também o provável desembarque de PTB e Pros do centrão. . 

Enio Verri (PT-PR) diz que a nova configuração ficou interessante para a oposição porque ninguém mais tem maioria absoluta. “Para passar uma PEC você vai precisar de muito diálogo. Ou é uma pauta que tem de fato pressão social ou não passa. Deu uma animada na esquerda”, diz.

Por sua vez, a deputada Fernanda Melchionna, do PSOL, considera importante que não haja homogeneidade num campo único para passar PECs ou até medidas econômicas antipopulares. 

As informações são do Painel da Folha de S.Paulo

Nenhum comentário: