12.16.2020

EXCLUSIVO – “Tarauacá vai ser referência para o Brasil”, diz nova prefeita que afirma ter visto Jesus Cristo acordada



Evandro Cordeiro para o Acrenews

A nova prefeita de Tarauacá é uma funcionária do Tribunal de Justiça do Acre que afirma ter visões espirituais especiais. Maria Lucineia de Lima Menezes, de 38 anos, mãe de três filhos e esposa do deputado federal Jesus Sérgio, que se elegeu pelo PDT, mesmo partido do marido, assume em janeiro debaixo de muito mistério. Ela já sabia há algum tempo que o marido seria parlamentar e que seu destino era ser prefeita do município onde nasceu, justamente por sua relação absolutamente íntima e particular com Deus. Ela tem visões desde muito e já sabe, por exemplo, que Tarauacá está fadada a virar referência nacional, sob a justificativa de Deus ter achado graça desse município emblemático do Acre. “Deus visitou Tarauacá e onde Ele visita tudo muda. Vamos ser referência”, diz ela em entrevista exclusiva ao www.acrenews.com.br.

A prefeita Neia, como é carinhosamente conhecida, é uma beata assumida, membro do movimento carismático da Igreja Católica, uma vertente da igreja ainda recente , bem próxima do movimento evangélico neopentecostal. Numa conversa franca conosco, Neia falou sobre a vida particular e sobre a vida política do marido e agora dela também. Entre outras afirma ter consciência da missão que precisa cumprir, razão pela qual repete exaustivamente um mantra: reconstruir Tarauacá. Veja o que mais ela revelou ao Acrenews:

Acrenews – Quem é a nova prefeita de Tarauacá?

Neia – Eu sou a Maria Lucineia de Lima Menezes, tenho 38 anos, nasci no seringal Novo Destino, as margens do rio Tarauacá. Aos cinco anos de idade vim pra cidade, morar no bairro Praia.

Acrenews – E quem é seu marido?

Neia – Meu marido é o deputado federal Jesus Sérgio (PDT), um homem simples que nasceu no seringal Xapuri, em Tarauacá. Um homem muito humilde que chegou novo ainda na cidade. Vendeu quibe. Se tornou professor e funcionário do Basa.

Acrenews – Vocês tem filhos?

Neia – Sim. Temos três filhos. A Nicole, de 19 anos, a Karina de 16 e o Davi de 7. A mais velha vai fazer o Enem, a outra está terminando o ensino médio e o Davi ainda é um bebê.

Acrenews – Como e quando surgiu a ideia de vocês entrar na política?

Neia – Em 2012 meu marido chegou em casa dizendo que tinha sido convidado para disputar a eleição. Fui contra. Foi uma notícia impactante. Achava que política era coisa de pessoas que eram ruins. Mas é ao contrário. Tem que ter pessoas de bem, tementes a Deus. Mas mesmo sem eu concordar ele se candidatou e ganhou em primeiro lugar. Dois anos depois ele chegou com a mesma história, dizendo que tinha sido convidado pelo partido para disputar para estadual, mas agora só iria se eu concordasse. Mas eu pedi pra ele terminar aquele mandato. Mas prometo a ele perguntar pra Deus se era isso mesmo que Ele queria pra gente. Ele me perguntou se Deus dependeria em uma semana, porque era o prazo que o partido tinha dado. Eu disse que ia me retirar, pra tentar falar com Deus, porque Deus não fala assim, a hora que a gente quer. Aí me retirei e fui orar. Fui lendo a Bíblia. E Deus foi falando, foi confirmando. Fui para o grupo de oração carismática. Lá tinha uma pessoa de fora pregando. Pedi a Deus para que Ele, se quisesse, falasse através daquele homem. Não demorou cinco minutos. Deus falou forte. Ele até se dirigiu ao meu marido. Então entendi que tinha aprovação de Deus. Depois dali Deus me mostrou até a roupa da posse dele. Dois meses antes da eleição Deus me mostrou a roupa da posse.

Acrenews – O deputado Jesus, seu marido…

Neia – As pessoas não acreditavam que ele seria deputado. Mas Deus me mostrou inclusive antes de ele tomar posse como estadual que ele seria federal. E ele acreditou porque ouviu a profecia.

Acrenews – Esse assunto é delicado e, particularmente, acho que precisa ser tratado com muito respeito. Por isso farei de tudo para evitar folclorismos. Mas me diga: como a senhora tem tanta intimidade com Deus. É verdade que a senhora viu Jesus, o Cristo, o Salvador?

Neia – 2014 foi um ano muito forte pra minha vida. Mas desde pequena eu decidi buscar a Deus. Depois de casada busquei mais intimidade com Deus. Muita oração. E Ele tem me mostrado muitas coisas. Você tem que vê minha casa em Tarauacá. Tem muita coisa marcada lá, tem muita prova, muita foto, muito escrito. Eu vi Jesus Cristo sim. Era dia 4 de julho de 2014 e Ele apareceu pra mim. Eu estava acordada. Não foi sonho. Foi muito forte. Não quis mais vê Ele acordada porque foi muito forte. Minha carne não suportou, não resistiu a presença de Deus. Ninguém vai tirar isso de mim. Foi um presente pra minha vida. Dei esse testemunho na Câmara dos Deputados. Está nos anais daquela casa. Lá contei com detalhes o que eu vi.

Acrenews – Bem, está claro que a senhora tem intimidade com Deus. Por essa razão pergunto, do ponto de vista espiritual, o que vem ai para Tarauacá. Se é Deus supõe-se prosperidade.

Neia – Sim. Tarauacá será referência para o Acre e para o Brasil, porque o Senhor apareceu lá. Uma cidade visitada pelo Deus poderoso nunca mais será a mesma. Ele achou graça em Tarauaca. Ele teve misericorida. Ele viu o povo clamando por mudança. Ele diz em sua palavra que se o povo clamar e buscar com sinceridade e se arrepender dos seus pecados Ele vem é sarará sua terra. Eu vejo isso se cumprindo em Tarauacá. Ele veio em 2014 e visitou Tarauacá e onde Ele pisa a terra é santa. Ele não vai chegar e aquilo permanecer como está. O ser humano muda quando o Senhor se faz presente na vida dele. Tarauacá será sim uma terra prometida, como a lá de Canaã, uma terra prometida, onde mana leite e mel. Eu creio nessa promessa. Pode ser que não seja de uma hora pra outra, pode ser um processo de reconstrução. Creio que todos nós vamos lutar por Tarauacá, nós que amamos Tarauacá todos vamos ajudar. A gente vai despertar esse amor. Vai ser muito grande o que Deus tem para Tarauacá. Tarauacá voltará a ser a princesa do Acre. Nossa coroa será recuperada.

Acrenews – Agora do ponto de vista terreno, secular, chão, a senhora tem ideia do que tem pra fazer, do que vem pela frente né? Mesmo com Deus na frente tem batalhas…

Neia – Sei sim. Tem muitas coisas para serem resolvidas. Mas eu sempre na minha vida coloco Deus na frente. Eu serei apenas um instrumento na mão do Senhor. Ele que vai estar conduzindo nossas decisões. Estamos formando uma equipe abençoada. Meu vice (Maranguape, PSD) é um homem de Deus e vai ajudar muito. Meu esposo diretamente de Brasília ele vai estar me ajudando porque ele ama nossa cidade. Todos estão unidos para ver uma cidade melhor. As dificuldades Deus vai nos dar sabedoria para enfrentar.

Acrenews – Quais as primeiras medidas que a senhora pensa tomar logo em janeiro?

Neia – Reunir com secretários e começar a correr para alcançar nossa meta. Vamos fazer caso a caso as coisas mais urgentes. Vamos fazer um mutirão de limpeza. Ruas e igarapés precisam com urgência. Mas a primeira ação vai ser orar em cada secretaria. Levar padres e pastores. Deus em primeiro plano.

Acrenews – E como será a relação com a Câmara de Vereadores?

Neia – A melhor possível. A gente tem que trabalhar em parceria. Vejo que esse sonho é possível, mesmo o vereador sendo de outro partido. Vai ser pro bem da população. A não ser que o vereador queira ser posição por ser. Nós somos empregados do povo e temos que servir ao povo. Eu vim pra servir, pra fazer o bem. Quero que eles também. Vou reunir muito com eles.

Nenhum comentário: