11.14.2021

Merval: atuação de Nunes Marques como se fosse 'uma parte de Bolsonaro é uma vergonha'


"Um ministro que se deixa ser referido como uma parte do presidente é uma vergonha", afirmou o jornalista Merval Pereira
14 de novembro de 2021, 06:55 h Atualizado em 14 de novembro de 2021, 06:55

Merval Pereira, Nunes Marques e o STF (Foto: Divulgação I Reprodução)

247 - "É inacreditável que Bolsonaro ache, e o ministro Nunes Marques aceite a ideia de que é o representante do presidente no STF. É não entender o que é o Supremo e o sentido da indicação", escreve o jornalista Merval Pereira em sua coluna publicada no jornal O Globo.

"Um ministro que se deixa ser referido como uma parte do presidente é uma vergonha. Nunes Marques não respondeu a Bolsonaro e os votos dele mostram que realmente ele é do presidente. Não tem uma posição independente", disse.

Segundo o colunista, as sabatinas de ministros a serem indicados para o STF aqui "são vergonhosas, não têm nada de sério nelas, senadores querem agradar o futuro ministro, que um dia pode julga-los".

Fonte> brasil247.com

Nenhum comentário: