12.04.2021

TARAUACÁ: MPAC E CRM INSPECIONAM UNIDADES BÁSICAS DE SAÚDE DO MUNICÍPIO

 

O Ministério Público do Estado do Acre (MPAC), por intermédio da Promotoria de Justiça Cível de Tarauacá, realizou, nesta quarta-feira (1), junto ao Conselho Regional de Medicina do Estado do Acre (CRM-AC), uma vistoria nas nove Unidades Básicas de Saúde de Tarauacá.

O objetivo da inspeção, que teve à frente o promotor de Justiça Júlio César de Medeiros, acompanhado da presidente do CRM-AC, Leuda Maria da Silva, foi identificar possíveis irregularidades quanto à ausência de recursos materiais e recursos humanos, bem como a funcionalidade e estrutura física das unidades.

Na ocasião foram detectadas irregularidades referentes a insuficiência de médicos e falhas estruturais. Muitas UBSs necessitam de reformas e reparos, visando sanar problemas como mofos nas paredes, infiltrações, esgoto a céu aberto, necessidade de dedetização, necessidade de sala para curativos, construção de muros e instalação de câmeras para maior segurança do local. 

Além das Unidades Básicas de Saúde fixas da sede do município, foi vistoriada também a Unidade de Saúde Fluvial de Tarauacá, que funciona em uma balsa e atua no atendimento itinerante nas comunidades ribeirinhas. A estrutura do barco estava em boas condições de funcionamento, assim como limpa e sinalizada.


Segundo o promotor Júlio César, a parceria entre o Ministério Público e o CRM-AC tem sido de suma importância para que as Inspeções sejam mais eficientes e com informações técnicas mais precisas, a fim de que nada escape aos olhos da Promotoria de Justiça, visando garantir uma saúde pública mais qualitativa à sociedade.


Com essa fiscalização, fechamos as Inspeções em todo o sistema de saúde pública do município, envolvendo Hospital público, maternidade e Unidades Básicas de Saúde, e pretendemos requisitar providências pontuais de forma imediata, e com a conclusão do Relatório, vamos expedir uma Recomendação administrativa”, destacou o promotor.

Hudson Castelo – Agência do notícias do MPAC

Nenhum comentário: