quinta-feira, 18 de agosto de 2022

Confira a agenda dos candidatos a governador do Acre nesta quinta-feira



Da redação do Notícias da Hora 18 Agosto 2022

Sérgio Petecão (PSD)

6h30 – visita aos comerciantes do Mercado Municipal de Tarauacá;

7h30 – visita aos comerciantes da Rua do Comércio;

10h – deslocamento do município de Tarauacá para o município de Feijó;

15h – reunião com os candidatos a deputados estadual e federal do município de Feijó que fazem parte da Coligação “Com a Força do Povo”;

16h – contatos políticos e mobilização para a inauguração do Comitê da Coligação “Com a Força do Povo”, em Feijó;

19h – inauguração do comitê da Coligação “Com a Força do Povo”.
Local: Rua Epaminondas Martins, ao lado do Banco do Brasil, em Feijó;

Gladson Cameli (PP)

15h30 - Caminhada na Baixada da Sobral, com concentração inicial no Mercado da Semsur.

David Hall (Agir)

A partir das 9h00 – Encontro no TRE com o objetivo de prestar informações sobre os procedimentos relacionados à definição das seções eleitorais a serem auditadas, sob a condução do Juiz-Presidente da Comissão de Auditoria de Urnas Eletrônicas.

A partir das 16h00 – Sorteio da rodada de entrevistas dos candidatos a governador do Acre no Papo Informal (Notícias da Hora)

De 17h00 até 19h00 – Encontro com os professores da rede estadual de ensino na Livraria Paim

De 19h30 até 21h00 – Reunião de alinhamento com os candidatos a Dep. Estadual e Dep. Federal.

Mara Rocha (MDB)

8h- Caminhada no Calafate

15h- Reunião com o Sinproacre

17h- Adesivaço na praça do bairro São Francisco

19h - Evento de lançamento oficial da candidatura ao governo Mara Rocha. Local: Afa Jardim.

Jorge Viana (PT)

Mobilização nos 22 municípios do Acre com reuniões, encontros, adesivaços, bandeiraços.

Jorge Viana e Marcus Alexandre tomam café da manhã e visitam bairros do Segundo Distrito.

Gravação de programa de entrevista na TV Rio Branco, às 13h.

À tarde reunião de planejamento e organização com coordenadores da campanha, e reunião com a diretoria da Fieac.

Nazaré Araújo tem encontro com candidatos, apoiadores e militantes da Federação da Esperança.

Nilson Euclides (PSOL)

17h às 19h - Encontro com os professores da rede estadual de ensino para apresentação de propostas voltadas para Educação.
Local: Livraria Paim (auditório)

Marcio Bittar (UB)

A assessoria do candidato não enviou agenda.

Por noticiasdahora.com.br

Programa de Governo: O que eles querem para a Segurança Pública do Acre?



Por Wanglézio Braga com artes de Layla Cordeiro

Em 2021, o Acre recebeu destaque do Anuário de Indicadores de Violência produzido pelo Fórum Brasileiro de Segurança Pública por ocupar a 7ª colocação entre as unidades da região norte no ranking de mortes violentadas, de atentados contra a vida. Uma queda escalonada dos números nos últimos 10 anos. Apesar do esforço e deste bom sinal, até aqui, as páginas dos jornais estão aí para comprovar: o Acre continua sendo um estado inseguro para seus quase 1 milhão de habitantes.

Roubos, assaltos e sequestros dão um tom, diariamente, para a insegurança. Seja nas zonas urbanas e rurais. A violência acontece no transporte público, nas estradas, nos lugares públicos, em casa, no colégio, no trabalho. A maioria dessa violência desenfreada vem de questões ligadas ao tráfico de drogas. Peru e Bolívia, dois países conhecidos pelo império a partir da droga, injetam suas ramificações por aqui. Seja passando até o núcleo do Brasil, ou simplesmente saindo do nosso país. As fronteiras estão abandonadas. Não há controles, não existe fiscalização.

Na outra ponta, o Acre também é perigoso para as mulheres. A violência doméstica e o feminicídio estão no topo dos casos registrados no país, com a maior taxa, de 2,9 para cada 100 mil mulheres, segundo dados apresentados pelo Ministério Público do Acre (MP-AC). De 2018 a 2021, foram registrados 50 feminicídios e 126 homicídios contra elas. O que resultou em 75 órfãos diretos.

Os próximos governantes precisam ficar atentos ao avanço dos crimes virtuais. Sem delegacias especializadas, as redes sociais estão sendo consideradas terras de ninguém. Assim como também os golpes que tiram o sono, a paz e o sossego de muita gente. É preciso inteligência. Reestruturar os postos policiais, valorizar seus agentes. É preciso campanhas de conscientização. É necessário muito mais que um ‘choque’. É importante atacar esses problemas, até aqui citados, de forma firme e contínua. O que os candidatos propõem para a Segurança Pública do Acre?


– Implantar a “Agenda Estadual de Desencarceramento em Massa” com garantia de audiências de custódia e acompanhamento de andamento de processos de pessoas em Centros de Detenção Provisória, por meio da utilização dos recursos da Defensoria Pública e Tribunal de Justiça associada à política de apoio a egressos, no sentido de evitar a reincidência.

– Avaliar o trabalho policial com base em indicadores e metas de redução de crimes violentos e vincular os indicadores operacionais a esses indicadores criminais, focando a atuação policial na resolução de crimes violentos, devidamente instrumentalizada por mecanismos que aceleram a investigação de crimes como os perpetrados contra a população LGBTQIA+.

– Concentrar esforços nas investigações sobre tráfico de drogas e armas rastreando sistematicamente armamentos e munições, visando diminuir o poder de fogo de grupos organizados e confiscando e estatizando todos os bens quando localizados; Investir em políticas sociais e urbanas nos territórios alvos do tráfico de drogas e de outros tipos de violência, pautada sempre pela determinação geral de necessidades das pessoas que constituam o território, em especial usuários.

– Implementar a constituição policial com modernização estrutural e criação programa específico voltado a agentes de segurança pública e suas famílias vítimas de violência, vinculado ao SUS e ao programa de proteção a testemunhas e pessoas ameaçadas; Ampliar a garantia de cuidados e proteção dos agentes de segurança pública estaduais; Investimento em programas de ressocialização e reinserção no mercado de trabalho de pessoas egressas do sistema prisional.

– Efetivação das normativas que disciplinam o acompanhamento psicossocial especializado às pessoas LGBTQIA+ vítimas de violências, promovendo a criação dos Centros de Promoção e Defesa dos Direitos LGBTQIA+ e o fortalecimento dos CAPS, CRAS, CREAS, casas de apoio, Centro POP e demais instituições da rede já existentes nos municípios do estado.

– Reestruturar as forças policiais estaduais em acordo com suas atribuições constitucionais, sendo certo que o debate acerca do “ciclo completo” de policiamento só deve ser pautado se introduzido em um debate amplo com premissa básica a desmilitarização; Oferecer cursos de capacitação e de formação continuada aos policiais civis e militares.

– Criação de um sistema público de informação integrado entre as entidades de segurança pública para registro de boletins de ocorrência, inclusive de violência via redes sociais; Garantir o atendimento 24 horas em delegacias da mulher a todas, inclusive a mulheres transexuais e travestis, bem como criação de delegacias e unidades policiais especializadas em violência LGBTfóbica organizadas por um Núcleo de Atendimento Policial a pessoas LGBTQIA+.

– Elaboração de programas de treinamento de agentes penitenciários para enfrentamento da violência à população LGBTQIA+ encarcerada, especialmente mulheres e homens transexuais e travestis; Incentivar e fomentar a aplicação da Lei Maria da Penha e a Lei do Feminicídio.

– Criação de Unidades de Acolhimento que atendam às especificidades da população LGBTQIA+, que compreendam crimes e violações de direitos específicas que sofrem travestis e transexuais, priorizando o atendimento e respeitando a Identidade de Gênero; Criar um programa com foco na juventude, aliado aos municípios, Ministério Público, Polícia Civil e Militar para a proteção social e intervenção estratégica a partir de mapeamento de mortes da juventude, priorizando focos de homicídios e suicídios das juventudes.

– Ampliar a participação popular nas decisões que envolvam a segurança dos bairros e comunidades, reestruturando a estratégia de participação pública na política de segurança, através do fortalecimento e democratização do Conselho de Segurança Pública do Estado do Acre, que terá funções consultivas e deliberativas, de articulação, informação e cooperação entre todas as entidades que, na área do estado, possam intervir ou se envolver na prevenção e na melhoria da segurança da população.

– Investir no aperfeiçoamento da produção de dados sobre violência urbana e rural, com a organização, integração e sistematização dos bancos de dados estatais; Promover a investigação e combate ao tráfico de armas, munições e explosivos; Valorizar os servidores da segurança pública, garantindo um plano de cargos e salário digno e melhores condições de trabalho.

– Organizar um controle externo efetivo das atividades policiais, prisionais e socioeducativas (ouvidorias independentes e corregedorias independentes, administrativamente desvinculadas da Secretaria de Estado de Segurança, do Instituto de Administração Penitenciária).

– Aumentar o acesso à justiça e a mecanismos de reinserção social de egressos do sistema prisional e do sistema socioeducativo e implementar programas de prevenção primária para a juventude e suas famílias em conjunto com as demais secretarias; Investir em programas de prevenção da exploração sexual infanto-juvenil.


– Garantir a forte presença do Estado nas fronteiras, como instrumento de combate ao tráfico de drogas, furto e roubo de veículos, para a proteção do território contra o crime e como barreira para a entrada e saída de criminosos.

– Fortalecer o uso de tecnologias e da inteligência policial para uma ação mais integrada e efetiva contra o tráfico de drogas e no combate à violência nas cidades, comunidades urbanas e áreas rurais, e com o efetivo esclarecimento dos crimes.

– Atuar, em parceria estreita com as instituições do Sistema de Justiça, para que se garanta a devida punição e a aplicação das penalidades previstas na lei criminal; Impulsionar o cerco eletrônico e operacional em regiões de comércio, em parques e praças públicas, em estradas e em demais locais de elevado fluxo de pessoas e veículos.

– Fortalecer a Polícia Técnico-Científica com a implantação de programa de atualização e qualificação técnica dos policiais e servidores que atuam no sistema de segurança pública; Reconhecer e criar mecanismos de valorização e cuidados com os servidores do sistema de segurança pública; Implementar políticas públicas de prevenção à violência: em defesa de um “Ambiente de Paz”.

– Trabalhar para o reaparelhamento e reestruturação física das unidades operacionais e administrativas do Sistema de Segurança Pública; Fortalecer as unidades penitenciária e socioeducativas; Fortalecer e modernizar as ações de reintegração social de presos.

– Estruturar e modernizar as ações de educação e fiscalização de trânsito, a área da engenharia, fazendo uso de novas tecnologias, melhorando e ampliando o atendimento online e trabalhando parcerias com os municípios para a organização do trânsito nos núcleos urbanos; Fortalecer e estruturar o policiamento ostensivo, preventivo e comunitário.


O plano de governo do Partido faz referências, com números, aos casos de insegurança no estado. Escancara elogios ao Governo Bolsonaro e cita até Lula. De promessas, o documento cita que “Saúde, educação, cultura, segurança e assistência social serão geridas como sistemas articulados, ágeis, focados e baseados em evidências científicas”, mas não detalha como colocará em prática.


O programa de Governo do MDB fala em ampliação e diversificação das ações policiais ostensivas, de inteligência e de apoio à sociedade; Modernizar, equipar e aumentar o efetivo dos serviços de inteligência das polícias; Além da modernização, o Governo também irá intervir nos serviços de inteligência, equipando e treinando o efetivo que atua nessa área. Estas medidas trarão eficácia e resolutividade nas ações policiais.

– Investimento em equipamentos de monitoramento e identificação veicular para ajudar na redução de roubos de veículos; Monitoramento com reconhecimento facial para ajudar na identificação de criminosos procurados pela justiça; Melhoria e ampliação das ações do Instituto de Criminalística.

– Modernizar e integrar as ações das polícias militar, civil e penal para o monitoramento efetivo de apenados; A volta das ações de policiamento comunitário; Criação do Batalhão de Polícia Rural; Atribuição de novas atividades ao conselho de segurança pública; Combate aos Crimes de fronteira.

– Projeto “Segurança nas escolas para alunos e professores”. O Governo criará um Núcleo de Segurança nas dependências da Secretaria de Educação Estadual, com a finalidade de atender, especificamente, as ocorrências em desfavor de alunos, professores e funcionários e para receber informações sobre comercialização de substância entorpecentes nas escolas de forma velada, e assim, oferecer maior segurança aos alunos, professores, coordenadores, diretores e vigias que são vítimas frequentes de ameaças e agressões.

– Combate à Violência contra a mulher (implantação do Programa Tempo de Despertar); modelo desenvolvido pelo Estado de São Paulo em parceria com o Poder Judiciário, OAB, secretarias municipais e sociedade civil organizada chegou a ter 0% de reincidência da prática do crime pelos atendidos em sua primeira edição e 2%, na segunda edição.

– Projeto “Operação comércio seguro” onde o Governo intervirá ostensivamente, mediante a “Operação Comercio Seguro”, uma ação integrada para prevenir e reprimir ações de roubos e furtos em áreas comerciais, em locais definidos pelas forças de Segurança Pública.

– Ressocialização criminal; Reformar e adequar presídios delegacias e quartéis da polícia militar com projetos arquitetônicos adequados visando melhores condições de trabalho; Aprimorar nos presídios, a prestação dos serviços prestados como: apoio psicossocial, educacional e cursos profissionalizantes para os detentos; Oportunidade de trabalho e serviço religioso; Buscar apoio e parceria com a iniciativa privada para a capacitação e utilização da mão de obra dos apenados; Construção de áreas de recepção nos presídios para familiares de detentos em visita (com banheiro, cobertura, brinquedoteca e assentos); Fortalecer e aprimorar o setor de revisão de penas; Criação do Centro Integrado de Decisões (CID).


O setor da Segurança Pública ocupa o 3° eixo do programa do Agir. Entre as supermetas, capacitar 100% das corporações policiais, garantir equipamentos novos e modernos e melhorar continuamente as remunerações; Reduzir 80% os índices de crimes contra a vida e contra o patrimônio, nos próximos 8 anos.

– Reduzir em 35% a taxa de crescimento da população carcerária e socioeducativa, nos próximos 8 anos; Reduzir 60% da taxa de crimes ligados a violência doméstica cometida por homens e mulheres, nos próximos 8 anos.


– Revisar o Plano Estadual de Segurança Pública e Defesa Social para adaptá-lo à realidade local; Assegurar a disponibilidade e Otimizar a Aplicação dos Recursos, garantindo a eficiência na captação de recursos, especialmente aqueles advindos do Fundo Nacional de Segurança Pública e Fundo Nacional Antidrogas.

– Criar o Fundo Especial da PM e o Fundo Especial PC, como estratégia de captação de recursos, garantindo a manutenção do Fundo Estadual de Segurança Pública e Fundo Especial do Corpo de Bombeiros Militar; Incrementar a Política de Gastos Eficientes, viabilizando soluções inteligentes para reduzir o gasto.

– Promover Melhorias Salariais, Contratação, Capacitação continuada, infraestrutura e equipamentos para o desempenho das atividades das forças de segurança; Apoiar e estimular as Ações, Projetos e Iniciativas, nas áreas de educação, saúde, habitação, saneamento, esporte e lazer, que impactam a Segurança; Fomentar o Uso de Tecnologias modernas como cercamento eletrônico, vídeo monitoramento, drones, comunicação digital, informatização, ocorrências georreferenciadas, dentre outros.

– Adotar o Policiamento Ostensivo Orientado à Solução de Problemas (POSP), método racional e eficiente para tomada de decisões e resolução de problemas repetitivos que envolvem crimes e desordem social, objetivando alcançar resultados mais efetivos e duradouros; Adotar programas de Redução de Homicídios, pautados na articulação interinstitucional em torno de objetivos e metas comuns.

– Criar a Delegacia Especial de Fronteira (DEFRON) e ampliar a estrutura dos Grupos Especiais de Fronteira já existentes, fortalecendo a atuação no enfrentamento/ investigação dos diversos crimes chamados transfronteiriços; – Reestruturar a Delegacia de Combate à Corrupção (DECCOR), dotando-a de recursos humanos e tecnológicos.

– Ampliar a atuação da Delegacia de Combate à Corrupção (DRACCO) e Delegacia de Repressão ao Narcotráfico (DENARC) para que tenham atribuição em todo o Estado, e adquirir ferramentas tecnológicas, para proporcionar condições estruturantes para o enfrentamento às Organizações Criminosas que atuam especialmente no Tráfico de Entorpecentes e Corrupção.

– Criar o Grupo Especial para combate à Lavagem de Dinheiro e o Laboratório de Lavagem de Dinheiro, com capacitação continuada e aquisição de ferramentas tecnológicas; Criar, no âmbito da Polícia Civil, a Divisão Especializada de Combate a Crimes Cibernéticos (DECIBER), com Delegacias Especializadas instaladas na capital e nas sedes das Regionais de Segurança Pública.

– Proporcionar às Delegacias Especializadas de Atendimento à Mulher (DEAM) em Rio Branco e à Delegacia Especializada de Proteção à Criança e ao Adolescente (DEMPCA) em Cruzeiro do Sul condições estruturantes com equipamentos e recursos humanos adequados para o enfrentamento à violência doméstica; Fomentar a criação de Núcleos Especializados no combate à Violência Doméstica contra mulheres, crianças e adolescentes nas Delegacias Gerais dos demais Municípios.

– Controle Operacional, integrando as áreas de segurança, educação, saneamento, habitação, trânsito, patrimônio público, entre outros; Apoiar e estimular a Produção Científica no desenvolvimento de projetos e inovação tecnológica nas áreas de Segurança Pública por meio de acordos de cooperação com instituições de ensino superior.

– Criar Manual de Padronização da Segurança Pública Estadual com o intuito de coletar, padronizar, integrar e consolidar dados e informações de interesse da Segurança Pública; Promover estudo colegiado para subsidiar a adoção de Boas Práticas do Regime de Trabalho, com o objetivo de aumentar a produtividade dos servidores; Adquirir Softwares e outras Ferramentas e Integrar o Sistema de Segurança, visando o fortalecimento das inteligências, seja na produção de conhecimento, seja na investigação específica, voltadas à análise de vínculos e dados.

– Ampliar e Descentralizar a Infraestrutura do IML, com a instalação de Postos Perícias de Criminalística e Medicina Legal nas regiões do Envira, Purus e Alto Acre; Implantar o Complexo Pericial em Rio Branco para concentrar a realização dos exames; Modernizar a Perícia, com aquisição de instrumentos tecnológicos e insumos adequados e suficientes para realizar exames periciais.

– Aprimorar o Sistema de Registro de Ocorrências com ampliação da Delegacia online e criação de Central de Registro de Ocorrências Policiais vinculadas aos Órgãos Centrais de Atendimento (OCA); Ampliar a atuação da Patrulha Maria da Penha, da PM, assegurando a integração de recursos humanos e tecnológicos para atendimento imediato às vítimas e enfrentamento à violência doméstica; Criar um Sistema Integrado de Amparo à Mulher vítima de violência.

– Criar Centros Especializados de Triagem e Acolhimento de Vulneráveis (CETAV) na capital e nas sedes de delegacias regionais do interior, recepcionando as demandas do público vulnerável em situação de violência (mulheres, crianças, adolescentes, idosos, deficientes, população LGBTQIAP+ e outros) e proporcionando acolhimento humanizado e multidisciplinar com posterior encaminhamento para atendimento policial.

– Implantar o Núcleo de Atendimento Integrado (NAI), em cumprimento ao Estatuto da Criança e do Adolescente, para realizar o primeiro atendimento ao adolescente a quem se atribua prática de ato infracional; Criar, juntamente com as secretarias municipais de saúde, o Serviço de Verificação de Óbitos (SVO), em ambiente predial fisicamente separado dos IML, para receber pessoas falecidas de causas naturais.


– Investir em reformas e ampliações de unidades prisionais e socioeducativas automatizadas, com condições mais humanas e valorizar a implantação de ações de ressocialização, bem como implantar o Núcleo Integrado de Atendimento no Âmbito do Instituto Socioeducativo e as ações do Escritório Social no Sistema Prisional;

– Investir e ampliar as ações desenvolvidas pelo grupamento especial de fronteira no combate à criminalidade; Fortalecer as ações do Projeto Acre pela vida para prevenção e enfrentamento às formas de violências e criminalidade, por meio da interiorização de suas ações, bem como os demais projetos de prevenção como Sons de Liberdade do ISE, o Programa Radioativo em parceria com o Poder Judiciário e o Sistema “S”, o PROERD da PM, o Bombeiro Mirim, o Policial Mirim, o Polícia Civil na Escola e novos projetos de prevenção primária e secundária destinado ao público infanto-juvenil.

– Fortalecer a aproximação e a integração dos agentes de segurança com a comunidade, através da implementação da nova Polícia Comunitária Urbana e Rural e a implementação das Coordenadorias Regionais de Justiça e Segurança e dos Conselhos Municipais de Segurança.

– Manter e ampliar a construção de Centros Integrados de Segurança Pública e Cidadania nos municípios do Acre; Manter os investimentos em tecnologias de informações e monitoramento para auxiliar o planejamento das operações integradas, em especial na ampliação do Cerco Eletrônico e de sistema de vídeo monitoramento com agregação de tecnologia de reconhecimento facial.

– Planejar e desenvolver atividades de caráter educativo, pautadas em um projeto pedagógico que oriente a ação e a gestão do atendimento socioeducativo; Oferecer capacitação contínua aos profissionais de segurança pública que atendem violência contra a mulher, com enfoque em direitos humanos e relações de gênero, raça/etnia, orientação sexual e deficiência e relações de classe.

– Implementar a Câmara Temática de monitoramento de homicídios e feminicídios; Ampliar e padronizar a frota veicular adequada às especificidades das Forças de Segurança, a fim de subsidiar as operações e possibilitar o patrulhamento permanente; Reforçar o diálogo, com integração e colaboração entre as forças de segurança pública: Polícia Civil, Polícia Militar, Polícia Ambiental, Corpo de Bombeiros, Instituto Socioeducativo e Departamento Estadual de Trânsito (DETRAN), por meio do Conselho Integrado de Gestão Operacional.

– Implantar uma base aérea na região do Juruá reduzindo o tempo de resposta na referida região, bem como na regional Envira/Tarauacá, para ampliação das operações de radiopatrulhamento aéreo, salvamentos, resgates, combates a incêndio, transportes aeromédicos, transportes de dignitários, dentre outros, considerando o alcance das áreas de difícil acesso, com menor tempo de resposta.

– Valorizar os profissionais que atuam na área de segurança com qualificação contínua, ambiente físico seguro e estruturado, equipamentos modernos e adequados, principalmente voltados para proteção individual, implementação de programa de melhoria da saúde e qualidade de vida dos profissionais do sistema.

– Ampliar as ações de promoção ao trânsito mais seguro, implantando centros de educação de trânsito para crianças, aumentando o número de vagas no programa CNH social, instalando novas CIRETRANS em municípios do interior, implantando a telemetria nas aulas teóricas, práticas e exames para todas as categorias e robustecendo o investimento da sinalização semafórica vertical e horizontal em todos os municípios.

em 18 de agosto de 2022

TARAUACÁ: ALDEIA PINUYA INICIA QUARTA VIVÊNCIA 'NUKÛ MANÃ IBUBU - EVENTO SE ESTENDE ATÉ DOMINGO



Teve início nesta última terça feira (16) e se estende por toda essa semana, a Quarta VIVÊNCIA 'NUKŪ MANÃ IBUBU' na Aldeia Pinuya, Terra Indígena Aldeia 27 em Tarauacá, considerada a menor TI do Brasil. Localizada nas proximidades da sede do município a área tem 305 hectares e 400 habitantes divididos em 59 famílias.


De acordo com o Cacique Assis Kaxinawá as expectativas para a realização do evento são as melhores. A gente espera que seja uma grande festa durante toda essa semana. essa quarta edição objetiva o fortalecimento da cultura UniKuin assim como em todas as nossas terras indígenas que estão realizando suas festas. Estamos alegres em receber turistas estrangeiros, brasileiros de várias regiões do país e os acreanos.

A festa iniciou com os rituais de pintura corporal à base de jenipapo e urucum, durante todo o dia, e à noite a abertura com o consumo de Ayuasca no interior da floresta à base de cantos tradicionais indígenas.

quarta-feira, 17 de agosto de 2022

Os milionários que querem governar os Estados do Norte: Acre tem quatro



Foto: O Acre tem quatro candidatos milionários. Gladson Cameli (PP) é o primeiro da lista que é composta ainda por Sérgio Petecão (PSD), Jorge Viana (PT) e Márcio Bittar (MDB)

Por Wanglézio Braga / Foto: Reprodução

Os milionários querem governar os estados da região norte do Brasil. Levantamento feito pelo AcreNews com base no Sistema de Informação de Candidatura e Contas Eleitorais do Supremo Tribunal Eleitoral (TSE), o DivulgaCand, consultado hoje (16), revela que 25 candidatos aos governos dos Acre (AC), Amapá (AP), Amazonas (AM), Rondônia (RO), Roraima (RR), Pará (PA) e Tocantins (TO) possuem patrimônio bastante consideráveis entre os pares.

Rondônia aparece com o maior número de candidatos milionários, seis no total. Ivo Cassol (PP) é o que mais declarou posses entre os rondonienses: R$ 134.363.530,78. É ele também que aparece com maior quantitativo entre todo os candidatos da região norte. Cassol foi senador e governador, além empresário de profissão.

O Acre tem quatro candidatos milionários. Gladson Cameli (PP) é o primeiro da lista que é composta ainda por Sérgio Petecão (PSD), Jorge Viana (PT) e Márcio Bittar (MDB). O mesmo número é visto em Tocantins e Pará.

Já o Amapá tem apenas um, Jaime Nunes (PSD) com um patrimônio declarado em R$ 35.774.294,92. Assumindo ainda a terceira posição entre o número geral.

A lista dos milionários por quantitativo de patrimônio

1° Ivo Cassol (PP-RO) R$ 134.363.530,78.

2° Eduardo Braga (MDB-AM) R$ 35.789.885,79.

3° Jaime Nunes (PSD-AP) R$ 35.774.294,92.

4° Antonio Denarium (PP-RR) R$ 21.552.758,13.

5° Helder Barbalho (MDB-PA) R$ 18.751.269,33.

A lista dos milionários por Estado:

ACRE

1° Gladson Cameli (PP) R$ 5.161.383,44.

2° Sérgio Petecão (PSD) R$ 3.744.024,59.

3° Jorge Viana (PT) R$ 3.663.896,66.

4° Márcio Bittar (União Brasil) R$ 3.323.739,26.

AMAPÁ

1° Jaime Nunes (PSD) R$ 35.774.294,92.

AMAZONAS

1° Eduardo Braga (MDB) R$ 35.789.885,79.

2° Nair Blair (AGIR) R$ 5.330.000,00.

3° Amazonino Mendes (Cidadania) R$ 3.908.118,95.

PARÁ

1° Helder Barbalho (MDB) R$ 18.751.269,33.

2° Major Marconi (Solidariedade) R$ 2.771.291,72.

3° Zequinha Marinho (PL) R$ 2.261.665,20.

4° Dr. Filipe (PRTB) R$ 1.720.422,89.

RORAIMA

1° Antonio Denarium (PP) R$ 21.552.758,13.

2° Juraci Escurinho (PDT) R$ 2.250.000,00.

3° Rudison Leite (PV) R$ 1.200.000,00.

RONDÔNIA

1° Ivo Cassol (PP) R$ 134.363.530,78.

2° Daniel Pereira (Solidariedade) R$ 6.600.000,00.

3° Comendador Queiroz (AGIR) R$ 3.160.000,00.

4° Marcos Rogério (PL) R$ 2.327.000,00

5° Léo Morais (PODE) R$ 1.983.172,03.

6° Coronel Marcos Rocha (União Brasil) R$ 1.010.000,00.

TOCANTINS

1° Paulão Mourão (PT) R$ 6.686.462,39

2° Dr. Luciano do Oswaldo Cruz (DC) R$ 3.856.900,00.

3° Wanderlei Barbosa (Republicanos) R$ 2.200.646,94

4° Irajá (PSD) R$ 2.051.587,15.

Por acrenews

No Acre, a maioria dos candidatos são pardos e brancos: 81,18%


Por Wanglézio Braga / Foto: Reprodução

O AcreNews em consulta ao Sistema de Candidatura do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) verificou que a maioria dos candidatos nas “Eleições 2022”, no Acre, são pardos e brancos. Dos 526 candidatos registrados no sistema, 310 se declararam pardos, 117 brancos, 68 negros, 10 indígenas e 21 não informaram sua raça/cor.

Em porcentagens gerais, os pardos são 58,94%, brancos 22,24%, negros 12,93%, indígenas 1,9% e não informados 3,99%.

Apenas um candidato ao governo se declarou de cor/raça branca. Entre os brancos, os números completam ainda com três candidatos a vice-governador, cinco candidatos ao senado, 37 candidatos a deputado federal e 67 candidatos a deputado estadual. Quatro suplentes se declararam brancos.

No grupo dos indígenas, dois são candidatos a deputado federal e oito a deputado estadual.

Cinco candidatos a governador, três candidatos a vice-governador, três candidatos ao senado, 76 candidatos a deputado federal e 212 candidatos a deputado estadual e mais quatro da 1ª suplência e sete da 2ª suplência, disseram que são pardos.

Neste grupo, dos pardos, o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) define uma pessoa parda como “pessoas com uma mistura de cores de pele, seja essa miscigenação mulata (descendentes de brancos e negros), cabocla (descendentes de brancos e ameríndios), cafuza (descendentes de negros e indígenas) ou mestiça”.

Entre os que se declararam negros/pretos apenas um candidato ao senado, 22 candidatos a deputado federal, 42 candidatos a deputado estadual, 1 da 1ª suplência e 2 da 2ª suplência.

Um candidato a governador, um a vice-governador e 19 candidatos a deputado estadual não informaram cor/raça no momento de preencher os dados para a candidatura.

Por acrenews

Eleições 2022: 38% dos candidatos não declaram patrimônio, 12% são milionários e 1 é bilionário


Eleições 2022: 38% dos candidatos não declaram patrimônio, 12% são milionários e 1 é bilionário

Levantamento do g1 com base em dados do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) mostra que os milionários estão mais presentes entre os candidatos a presidente (58%) e vice-presidente (50%). Já os sem patrimônio são 40% entre deputados estaduais e 36% entre deputados federais.

Por Victor Farias, g1 — São Paulo

A eleição deste ano terá 12% de candidatos milionários e 38% sem nenhum patrimônio, além de um candidato bilionário, apontam dados preliminares do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). O prazo para registrar candidatura acabou na segunda-feira, mas a Justiça Eleitoral ainda não finalizou a consolidação das estatísticas. Os candidatos podem alterar o valor de seu patrimônio mesmo após o registro.

Até a manhã desta quarta-feira (17), mais de 28 mil candidaturas haviam sido registradas para as eleições de outubro. Os próprios candidatos informam ao TSE sobre o patrimônio que possuem. Segundo o último relatório da Credit Suisse sobre riqueza no mundo, divulgado em 2021, o Brasil tem 207 mil pessoas com fortunas superiores a US$ 1 milhão.

Os milionários estão mais presentes entre os candidatos a presidente (58%) e vice-presidente (50%). Já os sem patrimônio são 40% entre deputados estaduais e 36% entre deputados federais. Dois candidatos à vice-presidência informaram à Justiça Eleitoral não ter bens.

O único candidato bilionário, o herdeiro do grupo Votorantim Marcos Ermírio de Moraes (PSDB), concorre pela 2ª suplência na chapa em que ex-governador de Goiás Marconi Perillo (PSDB) disputa a vaga de senador pelo estado.

Cientista político e professor da Universidade Federal do Paraná, Emerson Cervi diz que o sistema político brasileiro "concentra melhores condições ou maior chance de sucesso eleitoral entre os mais ricos".

"A gente tende a ter uma replicação que é quase um ciclo vicioso. Se ele tem mais patrimônio, ele tende a ser eleito. E, se ele é eleito, ele tende a manter patrimônio", comenta.

Pesquisador do Centro de Estudos em Política e Economia do Setor Público (Cepesp) da Fundação Getúlio Vargas (FGV), Arthur Fisch diz que a proporção de milionários sempre é maior entre candidatos do que entre a população brasileira.

"Você ter mais dinheiro te dá mais segurança de fazer campanha. Acaba sendo discrepante em relação ao resto da sociedade", afirma.

Novo x PCO

O Novo segue como o partido com mais candidatos milionários proporcionalmente. 27% dos candidatos do partido se declaram milionários, seguido pelo PSD (21%), PP (20%), União (20%) e PL (20%).

Segundo Cervi, esse maior percentual entre partidos, de direita e centro-direita, é explicado pela origem social dos quadros dessas siglas.

"São partidos que buscam candidatos numa classe, numa faixa da sociedade que tende a ser classe média para cima. Em geral, não são [candidatos] de origem popular", afirma.

O PCB é a única sigla que não tem postulantes a cargo público com mais de R$ 1 milhão de patrimônio.

Na outra ponta da tabela, o PCO é proporcionalmente o partido com mais candidatos que disseram ao TSE ter zero patrimônio (73% do total). O PT é o que tem menos candidatos com essa categoria (17,8%), um pouco acima do Novo (18,2%), que aparece em seguida. O PL, partido do presidente Jair Bolsonaro, vem depois, com 24,7%.


Por G1

TARAUACÁ: Câmara de Vereadores debate sobre o retorno da venda de carne no mercado publico


 

Por Reginaldo Palazzo - A Sessão de hoje (16), diversos Vereadores apresentaram reclamações da população em relação ao Mercado Municipal, no que se refere ao fechamento do box da venda de carne, não obstante esse fato foi alvo de diversos ‘Pedidos de Providencia’ por parte dos Vereadores nos últimos dias.

Quanto a isso, o líder do Executivo Municipal Vereador Lulu Neri (PSD), convidou o Secretário de Agricultura, o Sr. Narcélio Bayma que aceitou o convite e foi até à Câmara explicar o que estava acontecendo.

Esclarecimento

Há duas situações que explicam o contexto. A primeira é que o Box onde é comercializada a carne do mercado municipal vai passar por uma reforma com recursos próprios.

Nesse interim o Secretário está providenciando outro local para manter o atendimento à população tarauacaense, mas como se trata de uma sessão de uma empresa privada para o governo municipal, isso demanda alguns ajustes por parte dos departamentos jurídicos de ambas as partes para legalizar tal ato, podendo-se assim posteriormente assinar o contrato. O secretário estima que nessa semana já tenha esse contrato assinado, mas garantiu que o preço da carne permanecerá o mesmo.

Outra situação é a de uma reforma mais abrangente na parte do mercado onde se localizam as vendas de verduras, legumes e cereais, fruto de uma emenda parlamentar da Deputada Jéssica Sales no valor de 500 mil reais.

Os Vereadores parabenizaram também o Vereador Zé Prego (PSDB), pela nova empreitada, o desafio de se eleger a deputado federal desejando-lhe, sorte.

Grande Expediente

No Grande Expediente aconteceram duas denúncias feitas pelo Vereador Dikim (MDB) onde disse que recebeu reclamações de diretoras de escola em relação a carne moída e indo averiguar no setor competente, constatou que receberam carne moída com prazo de validade de 8 meses sendo que a ANVISA preconiza 4 meses. Essa destacada pelo líder do Executivo Municipal Vereador Lulu Neri (PSD), achou muito estranho e ainda salientou que vai averiguar o caso, pedindo inclusive a criação de uma comissão, mas tem certeza que se for o caso a Prefeita Maria Lucinéia não está sabendo, pois não compactua com essa situação.

O outro caso foi acusar a empresa Construisa que inclusive já decretou falência, ter recebido dinheiro do município assim que foi criada. Esse caso logo foi rebatido pelo Presidente Chico Batista (PDT), que disse que a referida empresa participou do processo licitatório como qualquer outra empresa e se recebeu dinheiro com certeza há justificativa porque em pleno Século XXI tudo é passível de averiguação e portanto não vê nada de ilegal nisso.

Sobre as diárias gastas e que é foco de comentários em grupos de whatsapp o Presidente destacou que:

“Estaria errado se a Câmara desse diária para Vereador ficar transitando na cidade, mas o máximo que meus adversários vão dizer é que a Câmara deu 98 mil de diária sendo que outras câmaras de municípios próximos deu no mesmo período mais de 160 mil sem contar as mais distantes". Disse Chico Batista.

“A Câmara de Tarauacá não é instituição filantrópica, os Vereadores viajaram, e muitas vezes para buscar solução para mazelas que não é nem da alçada do município”. Completou.

Proposições

Indicações

Do Gabinete do Vereador Lulu Neri veio a Indicação Nº 056/2022 para que a prefeitura através da Secretaria Municipal de Obras faça o serviço de aterro e terraplanagem, na rua Altemira Melo que fica localizada no bairro Copacabana, ao lado da rodoviária.

Do Gabinete do Vereador Dikim veio a Indicação Nº 057/2022 para que a prefeitura através da Secretaria Municipal de Obras possa estar pavimentando a rua João Pessoa, do trecho da subida do Ipepaconha até o final da rua.

Do Gabinete do Vereador Manoel Monteiro veio a Indicação Nº 058/2022 para que a prefeitura através da Secretaria de Educação, providencie a instalação dos ventiladores na escola da comunidade do Socó.

Do Gabinete do Vereadora Maria Gleiciane veio a Indicação Nº 059/2022 para que a prefeitura encontre alternativa para o funcionamento do box que vende carne, localizado no mercado municipal.

Pedidos de Providência

Do Gabinete do Vereador Árife Eleamen veio o Pedido de Providência Nº 039/2022 para que a Prefeitura, através da Secretaria Municipal de Obras providencie uma operação tapa buraco e pavimentação, na rua João de Paiva, em frente ao DEPASA.

Do Gabinete do Vereador Manoel Monteiro veio o Pedido de Providência Nº 040/2022 para que a Prefeitura, através da Secretaria de Meio Ambiente efetue limpeza do cemitério São João Batista por pelo menos quatro vezes por mês.

Requerimento

Do Gabinete do Vereador Dikim veio o Requerimento Nº 020/2022 para que a empresa J. Carlos venha explicar o porquê de estarem misturando carne moída com outras misturas, na merenda das crianças de nosso município.

Ainda no dia de hoje a Mesa Diretora disponibilizou um breakfast de confraternização pela passagem do dia dos pais.

(assessoria)

terça-feira, 16 de agosto de 2022

Ieptec Dom Moacyr disponibiliza 40 vagas em cursos de qualificação profissional para Tarauacá



O Instituto de Educação Profissional e Tecnológica (Ieptec) Dom Moacyr disponibiliza 40 vagas para cursos gratuitos de qualificação profissional para a população de Tarauacá e região.

São 20 vagas para o curso de auxiliar administrativo e 20 para o curso de assistente de recursos humanos. A ação é resultado de pactuação do Estado, por meio do Ieptec/Dom Moacyr, junto ao Programa de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec) em sua nova denominação Novos Caminhos.

As aulas, que serão conduzidas pelo Núcleo de Educação Profissional e Tecnológica (NEPT) Tarauacá, unidade descentralizada da rede Ieptec, estão previstas para iniciar no dia 01/09/22, estando a data condicionada ao preenchimento de 100% das vagas ofertadas em cada turma.

Para realizar a inscrição é necessário levar cópias dos documentos: RG, CPF, comprovante de endereço e de escolaridade (declaração ou histórico), e comprovante de inscrição no CadÚnico, caso tenha registro.

As inscrições estão abertas até o dia 17 de agosto e acontecem de forma presencial, no endereço: Rua João Pessoa, S/N, Bairro Ipepaconha, município de Tarauacá, das 8h às 11h e das 14h às 17h.

As listas com os nomes dos candidatos selecionados e do cadastro de reserva serão divulgadas no dia 29/08/22 no portal do Ieptec: ead.ieptec.ac.gov.br, onde está disponível o edital para mais informações.

Por Blog do Accioly.

Piracema de mandi atrai centenas de pescadores ao rio Purus em Boca do Acre


Começaram a circular nas redes sociais nesta segunda-feira (15) vários vídeos mostrando o fenômeno da piracema de mandi, que acontece todos os anos no município de Boca do Acre, no sul do Amazonas.

A cidade é banhada pelos rios Acre e Purus, que recebem uma quantidade significativa de pescadores com suas canoas, na intenção de capturar os peixes, que servem tanto para ser comercializados, como para consumo próprio.

O episódio é comumente contemplado entre os meses de junho, julho e agosto, servindo como um atrativo econômico, cultural e social. A movimentação na economia local é intensa, tendo em vista que o sabor desse pescado é bastante apreciado em toda região.

Quando acontece a “passagem dos peixes”, as cidades adjacentes do Acre, principalmente as que são banhadas pelos mesmos rios, já podem esperar o mesmo acontecimento.

Por Abud Mamed.

Campanha eleitoral começa hoje nas ruas do país - Candidatos podem fazer caminhadas, carreatas e distribuir material


Candidatos à Presidência da República, aos governos dos estados e aos cargos de senador, deputado federal, estadual e distrital saem, a partir de hoje (16), em busca dos votos de 156,4 milhões de eleitores aptos a exercer o direito ao voto nas eleições de outubro. 

Pela legislação eleitoral, os candidatos estão autorizados a fazer caminhadas, carreatas com carro de som e a distribuir material de campanha até as 22h. A campanha vai até 1º de outubro, um dia antes do primeiro turno.

Os comícios poderão ser realizados entre as 8h e a meia-noite, horário que poderá ser prorrogado por mais duas horas no caso de encerramento de campanha. Showmícios gratuitos são proibidos por lei.

Na internet, a propaganda eleitoral pode ser feita em sites e redes sociais, mas deve ser identificada como publicidade e exibir o nome do candidato, partido, coligação ou federação. A propaganda por meio de telemarketing também é proibida.

O impulsionamento de conteúdo por apoiadores é proibido. O disparo de mensagens só pode ser feito aos eleitores que se cadastrarem voluntariamente para recebê-las.

O primeiro turno será realizado no dia 2 de outubro, quando os eleitores vão às urnas para eleger o presidente da República, governadores, senadores, deputados federais, estaduais e distritais. Eventual segundo turno para a disputa presidencial e aos governos estaduais será em 30 de outubro.

Por Agência Brasil - Brasília

No AC, governo reabre concurso do Saúde com a inclusão de novos cargos e mais 47 vagas



Edital foi publicado no Diário Oficial d Estado (DOE), desta segunda-feira (15) e pode ser consultado a partir da página 12

Após um período suspenso, o governo do Acre reabriu as inscrições para o concurso público para vagas na Secretaria Estadual de Saúde (Sesacre). O edital foi publicado no Diário Oficial d Estado (DOE) desta segunda-feira (15) e pode ser consultado a partir da página 12.

A retificação do edital traz o acréscimo de 47 novas vagas com o acréscimo de novos cargos, que tinham ficado de fora do edital anterior, que foi publicado com 622 vagas e subiu para 669.

As inscrições ocorrem a partir desta segunda e seguem até o dia 12 de setembro. Os interessados devem se inscrever pelo site da organizadora do concurso. A taxa de inscrição varia de R$ 53 a R$ 72 dependendo do cargo. Os salários variam de R$ 1.392,81 a R$ 11.096,93.

Ao todo, foram acrescentadas sete funções: auxiliar em saúde bucal, técnico em enfermagem , técnico em contabilidade, técnico em manutenção de computadores, gestor em saúde coletiva , biomédico, médico veterinário.

Em mensagem governamental lida no início dos trabalhos Legislativos, em janeiro deste ano, o governo anunciou a realização de concurso para área da saúde, com previsão de 956 vagas. No entanto, o edital publicado nesta segunda, traz menos de 700 vagas para diversas áreas da saúde e que contemplam as cidades acreanas.

Para os cargos de nível médio, o certame é feito por meio de provas objetiva e discursiva, já os de nível superior devem passar também pela prova de títulos. Conforme o edital, a previsão é que as provas objetiva e discursiva ocorram no dia 16 de outubro deste ano.

As provas objetiva e discursiva vão ser realizadas nas cidades de Brasiléia, Cruzeiro do Sul, Feijó, Jordão, Marechal Thaumaturgo, Porto Walter, Rio Branco, Santa Rosa do Purus, Sena Madureira e Tarauacá.

Alcinete Gadelha
G1-AC

segunda-feira, 15 de agosto de 2022

UJS de Tarauacá elege nova diretoria e reafirma apoio às reeleições de Perpétua e Edvaldo Magalhães



A União da Juventude Socialista (UJS), em Tarauacá, realizou mais uma conferência municipal para reafirmar apoio às candidaturas de Edvaldo Magalhães, para a Assembleia Legislativa, e Perpétua Almeida para a Câmara Federal.

O encontro aconteceu na última quinta-feira, 11, na sede do PCdoB de Tarauacá. Durante o evento, por meio de videoconferência, os deputados Edvaldo Magalhães e Perpétua Almeida saudaram os presentes. Também houve a participação de outros integrantes do PCdoB acreano como José Luiz, Letícia Holanda e Celso Paz.

Ainda durante o ato, foi eleita a nova direção da UJS de Tarauacá. Também foi ressaltado o legado deixado pelo vereador e sindicalista José Sidenir, além da camarada Eliana Cavalcante.

Veja a composição da nova diretoria da UJS de Tarauacá

Presidente: Simone Moura
Vice-presidente: Marcelo Ramos
Secretária de Organização: Gleice de Damasceno
*Secretário de Esporte: Júnior Das Chagas
*Secretário de Comunicação: Carlos Gomes
Secretário de Formação: Luciene Marinho
Secretário Secundarista: Janayra Pinheiro
Secretário de Cultura: Fran Amauacas
*Secretário de Finanças: Sandra Dourado

(assesssoria)

Vereador mais votado de Tarauacá, “Zé Prego” é candidato a deputado federal pelo PSDB


Evandro Cordeiro

O vereador mais votado nas eleições municipais de 2020, de Tarauacá, Zé Prego (PSDB), concorrerá uma vaga à Câmara Federal. O Tucano, esteve hoje, em Rio Branco, onde foi recebido pelo secretário da Casa Civil, Jonathan Donadoni, para quem reforçou seu apoio à reeleição de Gladson Cameli. Na oportunidade, Zé estava acompanhado de seu dirigente, o secretário-geral do PSDB no Acre, Diego Negreiros.

Por acrenews

AcreNews apresenta série de reportagens sobre os planos de governo dos candidatos ao Palácio Rio Branco


Da redação do AcreNews

A partir de terça-feira (16) os leitores do AcreNews serão brindados com uma série de reportagens sobre os planos de governo dos candidatos ao Palácio Rio Branco. O material terá a assinatura do jornalista Wanglézio Braga com edição de Layla Cordeiro.

De acordo com o editor–chefe do AcreNews, Evandro Cordeiro, os materiais vão ajudar o eleitor acreano a compreender um pouco mais das propostas dos candidatos foco nas áreas da Educação, Saúde, Segurança Pública, Agropecuária, Turismo e Infraestrutura.

“Nós estamos propondo uma publicação mais resumida das propostas dos candidatos. A gente quer simplificar, deixar mais claro esses materiais que na sua versão original possuem até 200 páginas. A nossa proposta é também ajudar o eleitor a enxergar que nessas eleições não teremos espaços para candidaturas com propostas vagas e ilusórias. Nós visamos uma eleição limpa e com discussões de ideias”, diz Cordeiro.

Nas eleições deste ano, confirmaram candidatura Gladson Cameli (PP), Jorge Viana (PT), Sérgio Petecão (PSD), Márcio Bittar (União Brasil), Nilson Euclides (PSOL), David Hall (AGIR) e Mara Rocha (MDB). Todas as propostas apresentadas na série foram extraídas do Sistema de Candidaturas e Contas do Tribunal Supremo Eleitoral (TSE).

“Com a série de reportagens, o AcreNews terá um papel muito grande nessas eleições. Vamos desmistificar os bastidores mais quentes do cenário político, com análises e abordagens diferenciadas, com coberturas especiais que vão contribuir para uma comunicação sem fake news, livre de notícias falsas, e que realmente deixem os leitores informados”, finaliza.

Fonte: acrenews

Feliciano admite espalhar fake news contra o PT sobre fechamento de igrejas evangélicas


"Tenho que alertar meu rebanho de que há um lobo nos rondando", diz o parlamentar
15 de agosto de 2022, 05:08 h Atualizado em 15 de agosto de 2022, 06:00

Marco Feliciano e o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (Foto: Billy Boss/Câmara dos Deputados | Ricardo Stuckert)

247 – O deputado Marco Feliciano (PL-SP), que também é pastor evangélico, admitiu, em entrevista ao jornal O Globo, que está espalhando que o PT pretende fechar igrejas caso volte ao poder – o que é uma notícia falsa, uma fake news. "Não há, nos planos de governo dos candidatos majoritários, incluindo os de esquerda, como os presidenciáveis Lula (PT) e Ciro Gomes (PDT), qualquer ataque à liberdade religiosa ou indicação de fechamento de igrejas, o que seria inconstitucional", destaca a jornalista Victoria Abel

"Conversamos sobre o risco de perseguição, que pode culminar no fechamento de igrejas. Tenho que alertar meu rebanho de que há um lobo nos rondando, que quer tragar nossas ovelhas através da enganação e da sutileza. A esmagadora maioria das igrejas está anunciando a seus fiéis: ‘tomemos cuidado’", disse Feliciano, que é pastor da Assembleia de Deus Ministério Catedral do Avivamento.

"A notícia, além de falsa, é absurda. Foi Lula quem regulamentou, em 2003, a liberdade de constituição de igrejas no país. Se tem alguém que governou respeitando a religiosidade, em especial a evangélica, foi ele", diz o coordenador de comunicação da campanha de Lula, Edinho Silva.

Fonte: brasil247.com

Lula sobe quatro pontos e pode vencer em primeiro turno, aponta pesquisa BTG/FSB


Enquanto Lula tem 45% das intenções de voto, todos os outros candidatos somam 46%
15 de agosto de 2022, 07:30 h Atualizado em 15 de agosto de 2022, 08:12

Ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (Foto: RICARDO STUCKERT)

247 - Levantamento telefônico do Instituto FSB, contratado pelo banco BTG Pactual, divulgado nesta segunda-feira (15) mostra que o ex-presidente Lula (PT), líder em intenções de voto, conseguiu ampliar a distância para Jair Bolsonaro (PL).

Na última rodada do levantamento, Lula tinha 41% e Bolsonaro 34%. Agora, Lula tem 45% e Bolsonaro os mesmos 34%.

Enquanto o petista tem 45% das intenções de voto, todos os outros candidatos, somados, têm 46%. O dado aponta para a possibilidade de o ex-presidente vencer a eleição já no primeiro turno.


Segundo turno

Lula também ampliou a vantagem para Bolsonaro na projeção de segundo turno. Antes, o petista vencia o atual ocupante do Palácio do Planalto por 51% a 39%. Agora, os percentuais passaram para 53%, de Lula, e 38%, de Bolsonaro.

Foram ouvidos 2.000 eleitores por telefone entre 12 e 14 de agosto. O intervalo de confiança é de 95% e a margem de erro de dois pontos percentuais. O levantamento está registrado no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o protocolo BR-00603/2022.

Fonte: brasil247.com

sábado, 13 de agosto de 2022

Mãe de Gladson afirma que Bittar é “mal-agradecido” e diz que senador “foi eleito às custas” do governador



Luciano Tavares, do Notícias da Hora 12 Agosto 2022

Se para Marcio Bittar, Gladson Cameli é um mentiroso, para dona Linda Cameli, mãe do governador, Bittar é um “mal-agradecido”.

Ao comentar no Instagram do Notícias da Hora a manchete da reportagem que informa que o senador licenciado apresentou um plano de governo com críticas indiretas Cameli, dona Linda disse:
“Esse é o agradecimento que ele dá por ser senador. Mal-agradecido. Foi eleito às custas do Gladson”.

Com apenas 11 páginas, o plano de governo de Bittar afirma que o Acre é comandado por homens que não desenvolveram caráter e espírito público, uma indireta ao governador Gladson Cameli, a quem o senador já acusou publicamente de quebrar a palavra e de promover o maior massacre público contra uma pessoa, a sua ex-mulher Márcia Bittar.

“Não se pode confiar em homens que não honram a própria palavra. São viciados em escamotear a realidade. São mitomaníacos por pura falta de consolidação de bons valores para governar e servir ao povo. Acabam por se servirem do povo”, diz o plano de governo de Marcio.

Por noticiasdahora.com.br

Marcia recebe apoio da prefeita de Tarauacá e diz: “Nosso propósito é levar a Palavra do Senhor para cada família”



Luciano Tavares, do Notícias da Hora 12 Agosto 2022

Ao receber a declaração, por meio de vídeo, de apoio da prefeita de Tarauacá, Maria Lucineia, à sua candidatura ao Senado, a professora Marcia Bittar (PL) agradeceu e disse que ela e a prefeita têm um “propósito”: “Levar a Palavra do Senhor para cada família” de Tarauacá. Neia e Marcia são cristãs.

Ao se dirigir à Marcia, a prefeita diz que ambas vão trabalhar “em defesa daqueles que Deus colocou para nós cuidarmos” e a chama de “irmã de fé”.

Show de Tierry leva multidão a abertura do Festival do Açaí em Feijó



Luciano Tavares, do Notícias da Hora - Fotos Jardy Lopes 13 Agosto 2022

O show do cantor Tierry na abertura do 23º Festival do Açaí em Feijó nesta sexta-feira (12) atraiu uma multidão.

O festival acontece no novo espaço de eventos da cidade, local em que o cantor se apresentou e milhares de pessoas se reuniram na noite de ontem.

O Festival do Açaí atrai pessoas de outras cidades do Acre e de fora do estado. O evento tem em sua programação e espaço a realização de feiras, festival de praia e concursos.

A atração deste sábado (13) será o cantor Zezo. A dupla João Bosco e Vinícius fará o show de encerramento deste domingo (14).




noticiasdahora.com.br