07/10/2017

Presidente do STF descarta risco de intervenção militar


Presidente do STF, ministra Cármen Lúcia, descartou a possibilidade de uma intervenção militar, caso o judiciário não consiga lidar com as seguidas denúncias de corrupção no Executivo como sugerido pelo general Antonio Hamilton Mourão, em setembro; segundo ela, apesar da declaração do militar ser considerada "grave", o Judiciário brasileiro "cumprindo seu papel" e que "não há justiça sem democracia, e o brasileiro não aguenta mais ser injustiçado"
https://www.brasil247.com/

Nenhum comentário: