28/10/2018

Em Porto Walter, avião do TFD ‘atola’ e é empurrado pelo governador eleito Gladson Cameli


Um avião que é usado para transportar pacientes do TFD ‘atolou’ na pista do aeródromo do município de Porto Walter na manhã deste sábado (27) e o governador eleito Gladson Cameli (Progressistas) teve que empurrar para a aeronave sair do buraco. O episódio reforça as denúncias sobre estruturas precárias dos aeródromos dos municípios do interior do Acre.

A pequena aeronave teria saído de Marechal Thaumaturgo para o município de Porto Walter, onde atolou. No momento em que o piloto tentava desatolar o avião, a comitiva de Gladson Cameli estava no local para participar de um agenda de agradecimento de votos realizada por Cameli e lideranças dos partidos de partidos aliados nos municípios isolados do Estado.

Com ajuda de populares, Cameli empurrou o avião bimotor para desatolar e poder seguir viagem para atender pacientes que se deslocam em busca de atendimento médico. O episódio foi registrado em vídeo e fotografias por pessoas que estavam no local para acompanhar a comitiva do chefe do executivo em evento organizado pelo prefeito Zezinho Barbari, do MDB.

A falta de manutenção das pistas dos aeródromos dos pequenos municípios do interior do Estado é mais um problema que novo governador terá que encontrar uma solução. Não é a primeira vez que passageiros precisam empurrar aeronaves atoladas nos buracos de pistas de pouso para pequenas aeronaves.

Os aeródromos que mais apresentam problemas nos últimos anos foram os dos municípios de Jordão, Marechal Thaumaturgo, Santa Rosa, Porto Walter e Manoel Urbano. O órgão responsável pela manutenção das pistas no interior é o Departamento de Estradas e Rodagens do Acre (Deracre).
Fonte: ac24horas.com

Nenhum comentário: