9.08.2021

Paciência de Mourão com Bolsonaro se esgotou e ele espera apoio da centro-direita


O vice-presidente da República, general Hamilton Mourão, demonstrou a interlocutores que está disposto a ir ao tudo ou nada contra Jair Bolsonaro com respaldo da direita que rompeu com a extrema direita bolsonarista
8 de setembro de 2021, 05:08 h Atualizado em 8 de setembro de 2021, 06:58

Hamilton Mourão (Foto: ABr)

247 - Um dos efeitos colaterais do golpismo de Jair Bolsonaro é a reação do general Hamilton Mourão, vice-presidente da República. Mourão recebeu informes de que terá apoio da centro-direita se Bolsonaro for afastado pelo Congresso num processo de impeachment.

Pessoas que estiveram com Mourão nesta terça-feira (7), dizem que a paciência dele se esgotou e que ele estaria disposto a ir para o tudo ou nada contra Bolsonaro, informa a Coluna do Estadão. Mas ele sofre neste momento forte pressão do presidente.

Depois dos atos do 7 de Setembro, no entanto, o vice teria ficado extremamente contrariado com o tom da coisa toda e a ideia lançada por Jair Bolsonaro de convocar o Conselho da República.
FONTE: BRASIL247.COM

Nenhum comentário: